Serviço

Interinstitucional / Internacional

por Portal PPGAIG
Publicado: 03/05/2017 - 12:01
Última modificação: 22/03/2019 - 10:11
Público-alvo: 
Estudante / Professor / Técnico-Administrativo
Definições: 

Os docentes do Programa de Pós-graduação em Agricultura e Informações Geoespaciais possuem diversas parcerias e intercâmbios técnico-científicos estabelecidos. Atualmente existem parcerias com instituições de ensino, pesquisa e extensão nacionais e internacionais, bem como acordos de cooperação técnico-científica com instituições e empresas.

A) COOPERAÇÃO EM PESQUISA COM UNIVERSIDADES NACIONAIS E INTERNACIONAIS

Universidad de Granada (Espanha): Projeto: Development of biotechnological schemes for formulation of microorganisms. Multifunctional approach to biofertilizer production. Docente: Gilberto de Oliveira Mendes.

Universidade Federal de Viçosa, Universidad de Granada (Espanha): Projeto: Biofertilizante com o fungo solubilizador de fosfato Aspergillus niger: papel na dinâmica do fósforo no solo e potencial de uso no manejo da adubação fosfatada. Docente: Gilberto de Oliveira Mendes.

Universidade de São Paulo, Universidade Federal de São Carlos e The University of Sydney (Austrália): Projeto: Detecção de Pragas em lavouras cafeeiras usando VANTs e Aprendizado Supervisionado. Docente: Jefferson Rodrigo de Souza.

Universidade Federal de Lavras: Projeto: Avaliação do uso do subproduto da indústria cerâmica para o tratamento de águas residuárias da cafeicultura. Docente: Enio Tarso de Souza Costa.

Universidade Federal de Lavras: Projeto: Desenvolvimento e avaliação do potencial de uso agrícola da fluorita com óxido de silício, derivado da fabricação de fertilizantes fosfatados - AgroSiCa. Docente: Enio Tarso de Souza Costa.

Universidade Federal de Lavras: Projeto: Elementos terras raras (ETRs) em fertilizantes e efeitos nas plantas. Docente: Enio Tarso de Souza Costa.

B) COOPERAÇÕES COM INSTITUIÇÕES NACIONAIS

IBGE: Acordo de cooperação técnica iniciado em 2014 visando a densificação da rede gravimétrica brasileira, no estado de Minas Gerais, para o contínuo refinamento de um modelo de altura geoidais. Docente envolvido: Gabriel do Nascimento Guimarães.

Embrapa e Município de Monte Carmelo: Termo de compromisso tripartite para difusão de cultivares biofortificados ligadas ao projeto BioFORT – Biofortificação no Brasil – desenvolvendo produtos agrícolas mais nutritivos. Docentes envolvidos: Gabriel Mascarenhas Maciel, Renata Castoldi.

C) COOPERAÇÕES COM INSTITUIÇÕES INTERNACIONAIS

Sistema de Referências Geocêntrico para as Américas (SIRGAS): Projeto de intercâmbio iniciado em 2014 visando a definição e realização de um sistema de referência vertical unificado para as Américas. Docente envolvido: Gabriel do Nascimento Guimarães.

Serviço Internacional para o Geoide (ISG): Projeto de intercâmbio iniciado em 2015 visando o estudo e definição de metodologia para soluções de modelos geoidais, comparação de diferentes tipos de métodos para o cálculo do geoide e definição de regras gerais para a estimativa de modelos em área com dados escassos. Docente envolvido: Gabriel do Nascimento Guimarães.

D) PARCERIAS E CONVÊNIOS COM EMPRESAS PRIVADAS

Braskem: Convênio iniciado em 2014 para pesquisa e desenvolvimento visando avaliar a viabilidade técnica e econômica do uso do mulching em lavouras cafeeiras irrigadas e de sequeiro nas condições do Cerrado Mineiro e do Sul de Minas Gerais. Docente envolvido: Gleice Aparecida de Assis.

Laboratório Farroupilha Lallemand: Parceria de pesquisa iniciada em 2015 que envolve prospecção de microrganismos para o controle de plantas daninhas e fitopatógenos, além de promotores de crescimento de plantas, podendo gerar produtos biológicos comerciais inovadores. Docente envolvido: Bruno Sérgio Vieira.

NOOA Ciência e Tecnologia Agrícola Ltda: Convênio iniciado em 2017 para pesquisa e desenvolvimento de biofertilizantes e formulações com microrganismos solubilizadores de fosfato para aplicação na agricultura. Docente envolvido: Gilberto de Oliveira Mendes.

Feltrin Sementes Ltda: Convênios iniciados em 2013 para pesquisa e desenvolvimento de cultivares de Hortaliças tropicalizadas com resistência a estresse biótico e abiótico. A parceria já gerou 21 cultivares da UFU registradas no Registro Nacional de Cultivares do Ministério da Agricultura (RNC/MAPA), sendo; Relação de cultivares registradas no RNC/MAPA: UFU MC QB1 número de registro: 34957, UFU MC QB2 número de registro 34958, UFU MC QB3 Antony número de registro: 35676, UFU MC QB4 Brutus número de registro: 35675, UFU MC QB5 Veloster Número de registro: 35674, UFU MC MINIBIOFORT2 número de registro: 35967, UFU MC TOM1 número de registro: 35966, UFU BIOFORT1 número de registro: 35968, UFU MC Brasópolis Número de registro: 36150, UFU MC Erasmo número de registro: 36149, UFU MC Ravi número de registro: 36151, Flavus número de registro: 37045, Theon número de registro: 37044, Le Petit número de registro: 37041, Luan número de registro: 35043, Scooby número de registro: 37042, Lumen número de registro: 37759, Senninha número de regisro: 37758, Popuri número de registro: 37760, Kenny número de registro: 37756, Alani número de registro: 37755, . Registro das cultivares disponíveis em; http://sistemas.agricultura.gov.br/snpc/cultivarweb/cultivares_registrad.... Docente envolvido: Gabriel Mascarenhas Maciel.

    Setor Responsável: